BLOG

Entenda o que é auditoria ambiental e quais os diferentes tipos

O mundo está atento às questões ligadas ao meio ambiente e a preservação dos recursos naturais. A agenda é hoje uma das mais importantes e muitos países possuem legislação específica para direcionar o trabalho das empresas nesse caminho.

De olho nesse cenário, novos modelos de gestão sustentável de negócios têm surgido, abrindo espaço no mercado e conquistando o público consumidor, interessado não só no produto, mas nas políticas de preservação do meio ambiente adotadas pelas empresas. Usar o “marketing verde” a favor do negócio tem sido muito benéfico.

Atualmente a auditoria ambiental é necessária para certificar que as empresas estão cumprindo a legislação vigente, sendo entendida como um sistema em que as organizações avaliam sua adequação aos critérios estabelecidos pelos órgãos fiscalizadores, que podem ser entidades de controle externo públicas ou empresas privadas.

Existem tipos diferentes de auditoria, o objetivo a ser alcançado com ela é que determina qual será a mais adequada para a empresa. Veja quais são eles:

  • Auditoria de Conformidade Legal: esse procedimento é realizado quando a empresa precisa de licenciamento ambiental. Ele avalia se as práticas empresariais estão em conformidade com a legislação. Nesse processo as adequações são apontadas e podem ajudar a prevenir multas;
  • Auditoria de Avaliação de Desempenho: avalia os indicadores ambientais da empresa, como o consumo de água, quantidade de poluentes emitidos e resíduos gerados, consumo de energia, entre outros;
  • Auditoria de Descomissionamento: esse tipo de auditoria é realizado quando uma indústria é fechada, a fim de avaliar os riscos que ela pode deixar para o meio ambiente e a população;
  • Auditoria de Responsabilidade: é realizada durante o processo de compra e venda de uma organização para avaliar a existência de passivos ambientais que podem interferir nesse processo. Em muitos casos, pode acontecer a precificação dos passivos;
  • Auditoria da Cadeia Produtiva: nesse caso, toda a cadeia produtiva (parceiros e fornecedores) passa por uma auditoria, considerando que a responsabilidade ambiental é algo solidário que deve estar em todo o processo de produção;
  • Auditoria Pós-acidente: tem a responsabilidade de investigar as causas do acidente, indicando medidas a serem adotadas para prevenir novas ocorrências;
  • Auditoria de Sistemas de Gestão: essa auditoria tem como objetivo verificar se a empresa atende as normas ambientais, orientando sobre a adequação e certificação das empresas a essas determinações.

O impacto da gestão ambiental nas empresas pode beneficiá-las em muitos aspectos. Melhorando sua imagem diante da sociedade e de órgãos nacionais e internacionais, parceiros e fornecedores, além de aumentar seu valor no mercado.

A contratação de empresas para auditoria também deve ser criteriosa. É importante buscar aquelas que possuem experiência e um histórico positivo, mantendo seu compromisso com o meio ambiente e que tragam soluções com alto valor agregado para o seu negócio.

Artigos Relacionados

Acompanhe notícias e tendências do mercado ambiental

Veja mais

Assine nossa newsletter para receber novidades da Allonda!



WhatsApp Fale com nosso Comercial agora via WhatsApp